Canal Exclusive
Revista Online

Atenção à halitose: mau-hálito pode ser um aviso de doenças bucais

por Redação | publicado em segunda, 25 de junho de 2018


Os incômodos causados pela halitose vão muito além do mau cheiro, o sintoma pode ser sinal de doenças e infecções

Foto: Reprodução internet

Geralmente conhecido como mau hálito, o odor desagradável vindo da boca pode acontecer por conta de diversos fatores. Em estudos realizados, chegou-se a contagem de 90 possíveis causas para a halitose, sendo divididas em origens de má higiene bucal, infecções na gengiva, complicações periodontais e origens de causas sistêmicas que aparecem no organismo.

Com diversas complicações bucais, a halitose muitas vezes se manifesta na forma de um odor específico, que é notado por terceiros, antes mesmo que o paciente se dê conta do sintoma. Como primeiro prognóstico comum, o mau hálito pode ser ocasionado, entre vários problemas, pela saburra lingual, que são manchas esbranquiçadas nas papilas superiores da língua.

Há também as doenças periodontais que expõe o problema da halitose, como as placas bacterianas e o tártaro. “A halitose na maioria dos casos é uma resposta do organismo para indicar o mau funcionamento de determinada parte do corpo. No caso dos problemas bucais, o tratamento pode ser facilmente realizado por tratamento odontológico indicado”, explica Paulo Coelho Andrade, mestre e especialista em implantodontia e pós-graduado em odontologia estética.

No aparelho bucal, há bactérias responsáveis por digerir proteínas que podem liberar substancias que possuem um mau cheiro característico, como o gás sulfídrico, que é resultado do metabolismo anaeróbico. Uma outra possível causa é a má conservação dos dentes, que ocasionam necroses e inflamações na gengiva, onde o mau cheiro fica evidente e pode ocorrer sangramentos ao escovar e utilizar fio dental nos dentes.

Segundo Paulo, alguns cuidados podem ser tomados quando a halitose é notada pelo paciente. “É necessário a observação ao longo do dia. Pois, se ocorrem sangramentos e dores constantes, as causas podem ser placa e cáries; no caso da saburra lingual, é perceptível e fácil de tratar. Em todos os casos, ao primeiro sinal de mau hálito, é necessário procurar ajuda medica”, aponta.

Dr. Paulo Coelho Andrade

Mestre em Implantodontia pelo Centro de Pesquisas Odontológicas de Campinas e especialista em Implantodontia pela Associação Brasileira de Odontologia, ambos os títulos reconhecidos pelos Conselhos Estadual e Federal de Odontologia, já realizou mais de 50.000 implantes e facetas em 28 anos de implantodontia. Autor de vários artigos científicos, publicados dentro e fora do país, também é pós-graduado em Fixação Zigomática, Periodontia, Cirurgias Avançadas, Sedação e Odontologia Estética na Alemanha.


Serviço

Clínica Dr. Paulo Coelho Andrade

Endereço: Av. Bandeirantes, 466 – Mangabeiras - Belo Horizonte - MG

Contato: (31) 3227-7076

www.implantodontia-mg.com.br

Instagram: drpaulocoelhoandrade

Facebook: drpaulocoelhoandrade


Comentários

Mais lidas

Card image cap
Por que fazemos o que fazemos?

Ler matéria
Card image cap
Projeto Cidade do gás

Ler matéria
Card image cap
1ª corrida contra o câncer beneficia ONG que doa perucas para pacientes oncológicos

Ler matéria
Card image cap
Uma goleada do Vila da Copa

Ler matéria
Card image cap
Rede internacional de sorvetes Cold Stone Creamery inaugura loja em BH

Ler matéria