Belo Horizonte, 13/11/2019

Arte Sacra e CASACOR se unem em ação que mescla moda e arquitetura

por Redação | publicado em quinta, 02 de agosto de 2018



A 23ª edição da CasaCor Minas contará novamente com a participação da grife mineira Arte Sacra. As diretoras-criativas da label, Carolina e Marcela Malloy, foram convidadas pela curadoria do evento para criar um look exclusivo que será usado pelas hostess da mostra. A parceria reforça, mais uma vez, que, assim como a arquitetura e o design, a moda é dinâmica e versátil, e que, juntas, essas formas de arte são capazes de revelar forças criativas e inspirar novos desejos.

“Neste ano, a ideia foi trabalhar com marcas da moda mineira, e a Arte Sacra foi escolhida pela relevância que tem para o nosso estado”, comenta Luisa Jordá, da equipe de marketing e produção da CasaCor Minas. O modelo desenvolvido pelas irmãs Malloy traduz a sofisticação e a elegância que identificam a exposição e que também são o DNA da grife. “Optamos por uma saia midi e fluida, que deixa a composição superchique e confortável. Na blusa, a manga bufante e a gola com meio laço dão uma dose extra de feminilidade, e o detalhe em flor, que é uma assinatura da Arte Sacra, garante ainda mais delicadeza ao look,” descreve Marcela.

Esta é a terceira vez que a label entra no line-up do evento. A primeira foi em 2016, quando as arquitetas Melina Mundim e Camila Ferreira a escolheram para integrar os ambientes que assinaram para a mostra. Já no ano passado, a marca esteve presente em dois momentos. Em um dos espaços, expôs as fotos da coleção Poesia Urbana, que teve a arquitetura concretista como principal inspiração, em tecidos impressos, suspensos no ar. Também foi eleita pela arquiteta Mariana Nogueira para compor a Sala de Vestir, ambiente intimista e de transformação da mulher, que buscou refletir a evolução das construções residenciais nos últimos 100 anos. A próxima edição da CasaCor Minas acontecerá de 7 de agosto a 16 de setembro, no charmoso Casarão da Rua Sapucaí, que fica no bairro Floresta, em BH.


Comentários