Belo Horizonte, 05/12/2019

Backer conquista medalha de ouro no Australian International Beer Awards

por Redação | publicado em quarta, 22 de maio de 2019



A cervejaria também conquistou três medalhas de bronze na edição de 2019

Agora em maio foi realizada mais uma edição do Australian International Beer Awards, na cidade de Melbourne e o Brasil teve destaque entre os vencedores. Este ano, 320 cervejarias de 36 países inscreveram mais de 1.700 cervejas na competição. A Cervejaria Backer faturou quatro medalhas, sendo uma de ouro para o lançamento Reserva Wood Sour e três de bronze para a Backer Cabral, Bravo e Reserva Cherry. Confira a lista completa dos vencedores pelo link: https://www.rasv.com.au/media/3306/2019-aiba-catalogue-of-results.pdf

Segundo Sandro Duarte, um dos mestres cervejeiros da Backer, desde 2015, "Esse se tornou um dos campeonatos mais importantes do mundo em termos de qualidade e quantidade de participantes. Concorremos grandes cervejarias e temos muito orgulho em ganhar a nossa primeira medalha de ouro com um lançamento que é a Wood Sour com frutas. A Cherry, que venceu em terceiro lugar também é lançamento e esses são ótimos resultados. A Cabral, desde que foi lançada, ganha medalhas em todos os concursos que participa e a Bravo é a maior campeã de prêmio da Backer”, comemora Sandro.

A Reserva Wood Sour - vencedora do ouro na categoria Wood and Barrel Aged Sour Beer - é uma cerveja sazonal que leva adição de frutas vermelhas como cerejas, framboesas, amoras e morangos e é maturada por um ano em barris de carvalho americano, que foram previamente utilizados para produção de Bourbon. De coloração avermelhada possui ainda notas amadeiradas, toques frutados e sabores que remetem a vinho do Porto. Apesar do perfil intenso a acidez confere frescor e drinkabilidade a esta cerveja extremamente saborosa e de 7.7% de teor alcoólico. Seu IBU é de 26% e é um dos lançamentos da cervejaria em 2019.

Feita a partir de um blend harmonioso de cervejas, com perfil maltado rico e adição de cerejas frescas em barris de carvalho que continham previamente Bourbon, a Reserva Cherry também é um dos lançamentos da Backer em 2019. O resultado é uma cerveja com notas maltadas intensas, toques de baunilha, amêndoas, vinho do Porto e Jerez. As notas frutadas de cereja ficam mais evidentes no aftertaste e complementam essa cerveja de muita personalidade, com 8% de teor alcoólico e IBU de 27%. Ela foi medalha de bronze na categoria Wood and Barrel Aged Strong Beer.

Também nesta categoria e medalhista de bronze, a cerveja Bravo coleciona prêmios e já passou do 16º. Extremamente complexa e intensa, leva em sua receita maltes tostados, açúcar mascavo e passa por um período de maturação em madeira umburana. Robusta e aveludada traz notas amadeiradas, de canela, melaço e chocolate amargo e tem um final sutilmente adocicado. Seu teor alcoólico é de 9% e IBU de 42,5%.

Por último (mas não menos importante), a cerveja Cabral levou o bronze na categoria Barley/Wheat Wine. É uma homenagem da Backer às cervejas produzidas para a aristocracia inglesa do século XVIII, cujo objetivo era oferecer uma bebida com teor alcoólico similar ao do vinho. Apresenta uma rica e complexa gama de aromas e sabores como uvas e ameixas passas, notas de caramelo, toffee e melaço. Corpo denso e sabor rico de malte é uma verdadeira iguaria de inverno. E assim como um bom vinho suas notas vão ficando ainda mais complexas com a guarda prolongada. Possui teor alcoólico de 11,2% e IBU de 50,8%.

“Há cinco anos seguidos estamos fazendo lançamentos que tem sido bem premiados ou mesmo best of show. Isso mostra como a Backer está investindo muito em produzir coisas novas, que instigam e abrem os horizontes dos nossos consumidores. Nosso portfólio está bem diversificado e vamos continuar investindo em novos produtos. Estamos realmente muito felizes com o sucesso e consolidação de nosso trabalho”, complementa o mestre cervejeiro.

Sobre a Cervejaria Backer


Criada em setembro de 1998, a receita do chope Backer, “made in Minas”, conquistou os clientes da antiga e renomada casa de shows de Belo Horizonte, a Três Lobos. O grande sucesso fez com que os empresários Halim e Paula Lebbos e Munir Khalil investissem em um espaço, no qual iniciaria a produção da primeira cerveja artesanal de Minas Gerais, em outubro de 2005.

No final de 2014, a Backer abriu as portas do Pátio Cervejeiro, complexo que engloba o restaurante Templo Cervejeiro e a Maternidade Cervejeira, onde são produzidas as cervejas. O local é um capítulo à parte, tendo se tornado um importante ponto turístico de BH, por tudo que representa para a cidade e o estado. O Pátio abriu as portas também para os cursos cervejeiros, que tem sido muito procurados pelos interessados em conhecer mais sobre as cervejas.

Atualmente a Backer é comercializada em diversos estados brasileiros, tais como: Minas Gerais, Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Bahia, Goiás, Espírito Santo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Amazonas, Tocantins e Pernambuco. Consumida por um público exigente, as cervejas Backer são encontradas nas principais delicatessens, supermercados, bares, restaurantes e lojas de conveniência.

Cervejaria Backer
Rua Santa Rita, 220 – bairro Olhos D’ Água - BH
Delivery: (31) 3288-2958
www.cervejariabacker.com.br


Comentários