Belo Horizonte, 23/06/2021

Conheça Raquel Bolinho, a artista que conseguiu derrubar barreiras com sua arte de rua

por redacao | publicado em segunda, 07 de junho de 2021



Sua personagem mais famosa, o Bolinho, é tema de mostra que inaugura esta semana

Criado pela grafiteira Maria Raquel, a Raquel Bolinho, o Bolinho se tornou um ícone de Belo Horizonte, expandindo as fronteiras do grafite, uma arte muitas vezes mal compreendida.

Natural de Itabira, durante muito tempo a arte urbana também era pouco conhecida por Maria Raquel. “Mudei para BH para fazer faculdade e morava longe do campus da UFMG. O longo trajeto diário me despertou curiosidade sobre os desenhos que via pelo caminho. Quis entender mais sobre o grafite, sobre os artistas por trás dos desenhos” conta ela.

Foi frequentando o Duelo de Mc’s, projeto belo-horizontino de projeção nacional que promove não só o rap mas também a arte urbana, que Raquel Bolinho se aproximou deste universo. Para começar a pintar foi um pulo, mas faltava ainda definir seu estilo. “Queria fazer algo que tivesse a ver comigo, e eu sempre gostei de cozinhar, confeitar” explica. Foi quando teve a ideia de pintar cupcakes com suas infinitas opções de cores.

O Bolinho nasceu em 2009 e rapidamente foi se multiplicando. Atualmente já foram pintados centenas de Bolinhos que podem ser encontrados por toda cidade, sempre com cores vibrantes e traços fortes, eles são apresentados nos mais variados suportes artísticos e urbanos, deixando as ruas mais açucaradas.

https://www.instagram.com/querobolinho

Sobre BH é Quem?

Nos últimos anos, uma personagem da arte urbana ganhou as ruas e os corações dos belo-horizontinos. Agora, o Bolinho da artista Raquel Bolinho ganha também exposição própria e convida importantes nomes da cena para participarem da BH é quem?, que tem como objetivo celebrar a cultura urbana e do grafite.

A mostra, que acontece no novo espaço Spot Culture, é um convite à imersão no processo de criação de diferentes artistas, uma vez que Maria Raquel e seus convidados pintarão ao vivo as telas da exposição a partir do dia 03 de junho. “A concepção do projeto tem como base duas principais ideias, uma é de que a exposição em si não seja somente das obras finalizadas, mas que as pessoas conheçam e possam observar o processo de criação dessas obras, e a outra é que eu apresente outros artistas para o meu público” explica Raquel Bolinho, que idealizou a mostra com a produtora Nayara Amorim.

A artista entende que sua personagem ultrapassou barreiras e hoje é conhecida por um publico amplo e diverso e que não necessariamente é familiarizado com a arte urbana. Raquel Bolinho é hoje representante do graffiti local, com projeção nacional. Mas fato é que Belo Horizonte é celeiro de grandes artistas, e já está mais que na hora de todos os conhecerem. A curadoria da exposição conseguiu reunir um grupo eclético que mostra a cena efervescente da cidade. “Todos têm trabalhos bem diversos e movimentam a cena do graffiti e a cultura urbana em geral, pintam muito e têm ótimos trabalhos. São artistas que eu particularmente gosto e queria que outras pessoas também gostassem”, completa Raquel.

Os artistas convidados e as datas da pintura ao vivo, que serão transmitidas em live no instagram @querobolinho

  • 3 de junho (quinta-feira): Clara Valente
  • 4 de junho (sexta-feira): Kesa
  • 5 de junho (sábado): Now
  • 10 de junho (quinta-feira): Comum
  • 11 de junho (sexta-feira): Fenix
  • 12 de junho (sábado): Goma

Durante todo o período da exposição, estará disponível ao público cartões postais com informações de cada grafiteiro convidado. No espaço será montada uma loja com produtos da personagem. Vale destacar que um balão inflável do Bolinho com cerca de 2 metros de altura também faz parte da mostra!

O projeto será documentado em vídeo que será disponibilizado no canal do Bolinho do YouTube. Uma vez finalizadas, as telas estarão disponibilizadas no site www.querobolinho.com.br


Comentários