Belo Horizonte, 16/09/2019

Dom Walmor celebra missa em ação de graças em comemoração aos 104 anos do IAMG

por Redação | publicado em quarta, 03 de abril de 2019



O arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, celebrou missa especial em comemoração aos 104 anos do Instituto dos Advogados de Minas Gerais nesta terça-feira, 2 de abril, as 19:30, no Palácio Cristo Rei, em Belo Horizonte.

A cerimônia contou com a participação do presidente do IAMG, Felipe Martins Pinto, diretores do IAMG, Gustavo Silva e Alexandre Figueiredo, presidente da OAB/MG, Raimundo Cândido Júnior, ex presidentes do IAMG Décio Mitre, Luís Ricardo Gomes aranha, Nilson Reis; conselheiro nato da OAB, Aristóteles Atheniense; Ex advogado geral do estado, Antônio Romanelli; Reitora da UFMA Sandra Goulart; deputados estaduais, Gustavo Mitre e Coronel Henrique; membros do IAMG e profissionais da carreira jurídica.

Felipe Martins destacou que o país passa por um momento de crise ética, “é a hora de darmos as mãos, com este propósito e finalidade de resgate dos valores de justiça, de paz, de misericórdia, para que consigamos promover uma transformação na cidadania”.

O presidente do IAMG agradeceu ao arcebispo Dom Walmor Oliveira de Azevedo e enfatizou “é um momento único em nossa história, e sempre vamos lembrar com muito carinho”.

O presidente da OAB/MG, Raimundo Cândido Júnior realizou a leitura da Profécia de Ezequiel. A advogada Letícia Junger recitou a oração dos fiéis e ressaltou “ao comemorarmos mais de 100 anos da fundação do Instituto da Ordem dos Advogados Mineiros, sem seus membros paladinos da verdade e da justiça, de modo tal que consolidada a história da instituição como propulsora de um país mais democrático e livre, continue a cumprir por uma sociedade mais justa e feliz”.

Na homilia, Dom Walmor Oliveira citou a passagem do profeta Ezequiel e finalizou “nossa sociedade está enfrentando muitas crises, política, econômica, moral, mas sobretudo de fé. Aqui estamos nos fortalecendo com o melhor da palavra de Deus, que nos fortalece em nossa função de construir uma sociedade justa, fraterna e solidária”, finalizou.


Comentários