Belo Horizonte, 21/11/2019

O que pode atrapalhar o processo de emagrecimento?

por Redação | publicado em segunda, 08 de abril de 2019



Especialista indica alguns hábitos frequentes que impedem a perda de peso saudável.

Seguir uma dieta e começar uma rotina de exercícios físicos é o mais comum entre quem tem o desejo de emagrecer. Porém, entre tantas opções de regimes, as vezes os efeitos não surgem. De repente o indivíduo começa a se perguntar se existe algo de errado com o próprio corpo. Na realidade, essa dificuldade em emagrecer pode ter a ver com alguns fatores normais de cada um ou, até mesmo, com hábitos comuns do dia-a-dia que parecem inofensivos.

O cirurgião endoscopista e nutrólogo Bruno Sander, especialista em gastroenterologia e diretor do hospital dia Sander Medical Center, em Belo Horizonte, orienta que o primeiro passo para emagrecer com saúde e obter efeitos duradouros e eficazes é através de avaliação profissional. “O erro mais comum é começar uma dieta por conta própria levando em consideração opiniões de pessoas não especializadas e achismos. O problema é que nem sempre o que é bom para um, também será bom para o outro. Cada um de nós possuímos um organismo com necessidades especificas. Além disso, o estilo de vida, histórico familiar e diversos outros pontos precisam ser levados em consideração”.

O que fazer?

Bruno indica que após se consultar com um médico e entender qual o melhor tipo de dieta ou procedimento para o corpo, como o uso do Balão Intragástrico, redução do estômago ou o método de Plasma de Argônio, o individuo deve ter em mente que alguns hábitos também influenciam na perda de peso. “Coisas simples como dormir bem, planejar adequadamente os horários de alimentação e exercícios, evitar muitas distrações enquanto almoça ou janta são atitudes essenciais”, completou.

O especialista ainda acrescenta que fatores como idade e genética devem ser levados em consideração. “Durante a juventude é muito mais fácil emagrecer, o próprio metabolismo trabalha a favor. Além disso, algumas pessoas naturalmente têm tendência a engordar devido a herança familiar. Mas isso não deve ser motivo de preocupação. Seja em pessoas que engordam ou emagrecem com facilidade, o importante é manter hábitos saudáveis e visitar o médico regularmente”, afirmou Sander.

Fonte: Bruno Sander, médico cirurgião endoscopista, especialista em gastroenterologia e nutrologia. É diretor clínico do Hospital Dia Sander Medical Center, em Belo Horizonte (www.sandermedicalcenter.com.br).


Comentários